Notícias

Atualizações regulares para mantê-lo informado sobre o mundo notarial

Continue explorando

5 situações em que a Procuração Eletrônica pode ser utilizada

A Procuração Eletrônica possui os mesmos efeitos legais da física. Ela é o instrumento adequado para ser entregue a uma pessoa de confiança que poderá lhe representar em uma ou mais situações.

Vale ressaltar que no caso da Procuração Eletrônica, também é permitido ao terceiro realizar transações virtuais, ou seja, mais uma vez a tecnologia vem se provando grande aliada na otimização de tempo e recursos!

Diversas situações podem ser beneficiadas com a Procuração Eletrônica, razão pela qual, separamos 5 tipos para que você ilustrar o assunto, de forma a auxiliá-lo no entendimento do assunto. Boa leitura!

 

Internet Banking

A Procuração Eletrônica para resolver questões de Internet Banking é bastante útil para quem mora fora ou está sem tempo. Através dela, a pessoa responsável terá acesso ao banco on-line e poderá realizar transferências, pagamentos e demais transações bancárias.

 

Locação de Imóveis

Você deseja alugar o seu imóvel, mas sem precisar ir ao Cartório reconhecer firma da procuração tradicional? Então, a Procuração Eletrônica pode te ajudar nesse caso.

A sua assinatura será digital, através do Certificado Digital. Dessa forma, será possível formalizar a locação sem sair de casa, inclusive, até o contrato poderá ser assinado digitalmente, dispensando o deslocamento das partes para assinatura presencial.

 

Situações com a Receita Federal do Brasil (RFB)

Com a Procuração Eletrônica, o representante legal pode resolver diversas questões disponíveis no e-CAC (Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte). Tais como:

 

– Emitir cópia de declaração;

– Comprovantes de arrecadação;

– Parcelamento de débitos;

– Retificação de documentos de arrecadação — Redarf Net;

– Situação fiscal do contribuinte;

– Consulta de certidões negativas, IRPF e IRPJ;

– Entrega de declarações via Receitanet.

 

Compra e venda de imóveis ou automóveis

A Procuração Eletrônica também é muito utilizada em situações de compra e venda. Nesse sentido, ela é perfeita para os casos de parentes distantes, que não podem acompanhar de perto a transação. A emissão é bem simples, podendo também ser utilizada para realizar a doação desses bens.

 

Realização de Inventário

Situações como Inventário são bastante burocráticas, exigindo tempo e dedicação nesse assunto. Então, quando um dos inventariantes não possui disponibilidade, a Procuração Eletrônica pode ajudá-lo dando esse poder a um representante legal.

Essa pessoa poderá acompanhar de perto o Inventário, assinando documentos quando necessário e tomando decisões.

 

Conclusão

Definitivamente, a Procuração Eletrônica foi um grande acerto tecnológico para a vida dos brasileiros. Nesse sentido, entre os seus imensos benefícios estão:

– Otimização de tempo;

– Extrema segurança digital;

– Redução de custos operacionais;

– Centralização de informações;

–  Sem necessidade de deslocamentos.

Vale ressaltar que para emitir uma Procuração Eletrônica, é necessário obter o Certificado Digital. Através dele, o representante legal poderá assinar documentos quando necessário.

Então, se você deseja obter a sua Procuração, entre em contato com o 8º Ofício de Notas. O seu atendimento será totalmente on-line, garantindo o documento em poucos dias.

Artigos e Notícias

Fique por dentro das últimas notícias e atualizações do mundo notarial.

Artigo - 1 minutos de leitura

Cartório, Surrealismo e o “l’amour fou”

Essa foto retrata amizade, amor e paixão, sentimentos que podem e muitas vezes devem ser levados ao cartório, seja para...

Artigo - 2 minutos de leitura

Separação de bens em casamento de pessoas acima de 70 anos não é obrigatória, decide STF

O Supremo Tribunal Federal (STF) definiu, nesta quinta-feira (1°), que o regime obrigatório de separação de bens nos casamentos e...

Contato

Entre em contato conosco e teremos o prazer em ajudá-lo.



    whatsapp